quarta-feira, 22 de julho de 2009


"Quando tudo faz lembrar, quando a dor aperta,
eu ainda sorrio, mesmo que às vezes só com a casca,
na frente dos outros,
sem conseguir tirar a sua parte de dentro,
guardada..."

Yasha

Um comentário:

Antonio disse...

Eu nunca vou deixar de sorrir, mesmo que a dor aperte e isso só acontece quando não consigo, ainda que apenas mentalmente, encurtar a distância que nos separa.
Smacksssssssssssss